Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Avaliação das Raizes e Teores de Água no Feijoeiro Submetidos a Variações de Adubação e Irrigação

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/iii.inovagri.2015-a358

 

downloadpdf

W.A. Morais1, F.A.L. Soares2, M.B. Teixeira3, S.R.P. de Melo4, O.C. Pina Filho5 & C.C. dos Santos6

 

Resumo: O feijoeiro como toda cultura responde a características de crescimento de acordo com a quantidade de água disponível no solo. Objetivou-se avaliar a influência das diferentes lâminas de irrigação e adubação, nos parâmetros de crescimento do sistema radicular, teor de água no caule, na folha, parte aérea e razão de área foliar do feijão comum. O delineamento experimental adotado foram os blocos ao acaso, analisado em esquema de parcelas subdivididas 7 x 4 totalizando 28 tratamentos com três repetições. Os tratamentos foram compostos por quatro lâminas de irrigação e sete formulações de adubações. Depois de lavadas, foram medidas as raízes do feijoeiro com o auxílio de uma régua graduada de cinquenta centímetros. O volume de raiz para cada tratamento com o auxílio de uma proveta graduada de 500 mL com precisão de 0,5 mL. A matéria seca de raiz através da pesagem dela seca em estufa por 48 horas a 65 graus. O teor de água na planta foi conseguido pela submersão das folhas e caules em vasilhames com água destilada por duas horas. O solo na capacidade de campo proporcionou os maiores resultados tanto para crescimento da raiz quanto para os teores de água nas folhas, caules, parte aérea e razão de área foliar.

Palavras-chave: água disponível, Phaseolus vulgaris, raiz do feijoeiro

 

Abstract: The entire bean as culture responds to growth characteristics in accordance with the amount of available water in the soil. The objective was to evaluate the influence of different irrigation and fertilization blades in the growth parameters of the root system, water content in the stem, the leaf, shoot and leaf area ratio of the common bean. The experimental design was the randomized blocks analyzed in split plot 7 x 4 totaling 28 treatments with three replications. The treatments consisted of four irrigation levels and seven fertilizer formulations. After washing, they were measured bean roots with the aid of a graduated scale fifty centimeters. The root volume for each treatment with the aid of a 500 mL graduated cylinder to the nearest 0,5 mL. The root dry matter through her dry weight in an oven for 48 hours at 65 degrees. The water content of the plant has been achieved by immersing the containers in leaves and stems with distilled water for two hours. The soil at field capacity provided the greatest results for both root growth and for the water content in the leaves, stems, shoots and leaf area ratio.

Key words: water available, Phaseolus vulgaris, bean root

 

1 Doutorando, IFGoiano. Rio Verde - Goiás. Email: wilker.alves.morais@gmail.com
2 Doutor, Professor IFGoiano. Rio Verde - Goiás. Email: fredalsoares@hotmail.com
3 Doutor, Professor IFGoiano. Rio Verde - Goiás. Email: marconibt@gmail.com
4 Graduanda, IFGoiano. Rio Verde - Goiás. Email: suiaineridan@hotmail.com
5 Doutorando, IFGoiano. Rio Verde - Goiás. Email: ocpinafilho@hotmail.com
6 Graduando, IFGoiano. Rio Verde - Goiás. Email: claudiorv12@gmail.com

 

Literatura Citada

BASSO, S.M.S. Caracterização morfológica e fixação biológica de nitrogênio de espécies de Adesmia DC e Lotus L. 1999. 268p. Tese (Doutorado)-Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 1999.

CARVALHO, M.A.C.; PAULINO, H.B.; FURLANI JÚNIOR, E.; BUZETH, S.; SÁ, M.E. & ATHAYDE, M.L.F. Uso da adubação foliar nitrogenada e potássica no algodoeiro. Bragantia, 60:239-244, 2001.

EMPRESA BRASILEIRA DE PESQUISA AGROPECUÁRIA - EMBRAPA. Centro Nacional de Pesquisa de Solos. Sistema brasileiro de classificação de solos. 2. ed. Rio de Janeiro, 2006. 306 p.

FAGERIA, N.K.; STONE, L.F. Manejo da acidez dos solos de cerrado e de várzea do Brasil. Santo Antonio de Goiás: Embrapa Arroz e Feijão, 1999. 42p. (Embrapa Arroz e Feijão. Documentos, 92).

FERREIRA, D.F. Sisvar: a computer statistical analysis system. Ciência e Agrotecnologia. vol.35 no.6, p. 1039-1042, 2011.

NOVAIS, R. F.; NEVES, J. C. L.; BARROS, N. F. de. Ensaio em ambiente controlado. In: OLIVEIRA, A. J. et al. (Coords.). Métodos de pesquisa em fertilidade do solo. Brasília, DF: Embrapa-SEA, 1991. p. 189-253.

ROSOLEM, C.A. Calagem e adubação mineral. In: ARAUJO, R.S.; RAVA, C.A.; STONE, L.F.; ZIMMERMANN, M.J.O. (Coord.). Cultura do feijoeiro comum no Brasil. Piracicaba: Potafos, 1996. p.353-385.

SANT'ANA, E. V.; SILVEIRA, P. M. crescimento do feijoeiro (Phaseolus vulgaris L.) influenciado por doses de nitrogênio em cobertura. Pesquisa Agropecuária Tropical. Goiânia, v. 38, n. 2, p. 134-140, jun. 2008.

TAIZ, L. & ZEIGER, E. Fisiologia vegetal. Editora: Artmed, p. 954, 2013.

TAYLOR, D.; ARKIN, G.F. Root zone modification fundamentals and alternatives. In: TAYLOR, D.; ARKIN, G.F. (Ed.). Modifying the root environment to reduce crop stress. St. Joseph: American Society of Agricultural Engineers, 1981. p.3-16.

ZUCARELI, C. et al. Índices biométricos e fisiológicos em feijoeiro sob diferentes doses de adubação fosfatada. Semina: Ciências Agrárias. Londrina, v. 31, suplemento 1, p. 1313-1324, 2010.