Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

Evolução do uso da terra na bacia hidrográfica do Rio Vieira, Montes Claros, MG

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/VIII.SimposFloresta.2014.37-539-1 

 

downloadpdf

Kelly de O. Barros1, Carlos A. A. S. Ribeiro1, Elias Silva1, Vicente P. Soares1, Gustavo E. Marcatti1, Alexandre S. Lorenzon1 & Bruno F. Martins1

 

Resumo: O objetivo deste trabalho foi analisar o processo de evolução do uso e ocupação da terra na bacia hidrográfica do Rio Vieira, localizada no município de Montes Claros, Minas Gerais. Para tanto, foi realizada uma análise temporal de imagens do satélite TM/LANDSAT5, dos anos 1990, 1995, 2000 e 2005, contemplando as classes temáticas Área urbana, Vegetação Natural/Reflorestamento, Área agrícola/Pastagem e Solo exposto. Fez-se uso das probabilidades de transição entre as classes em questão, obtidas pela Cadeia de Markov. Na análise da evolução, projetou-se o possível comportamento de todas as classes para um horizonte de 100 anos. As projeções revelaram uma tendência de redução na área das atividades agropecuárias e também na da classe Vegetação Natural/Reflorestamento. Observou-se um crescimento pronunciado da Área urbana, quando comparado com o das demais classes. A tendência de crescimento do Solo exposto, no que tange a degradação da terra, revela-se preocupante do ponto de vista ambiental.

Palavras-chave: Cadeia de Markov, equilíbrio dinâmico, geotecnologias

 

1 Universidade Federal de Viçosa (kellyobarros@yahoo.com.br; cribeiro@ufv.br; eshamir@ufv.br; vicente@ufv.br; gustavomarcatti@gmail.com; alelorenzon@yahoo.com.br; bferrazmartins@gmail.com)

 

Literatura Citada

BRASIL. Programa de Ação Nacional de Combate à Desertificação e Mitigação dos Efeitos da Seca: PAN-BRASIL. Brasília: MMA/Secretaria de Recursos Hídricos, 2004. 213p.

BRITO, J. L. S.; PRUDENTE, T. D. Mapeamento do uso da terra e cobertura vegetal do município de Uberlândia – MG, utilizando imagens CCD/CBERS 2. Caminhos de Geografia, Uberlândia, v. 13, n. 15, p. 144-153, 2005.

GLOBAL LAND COVER FACILITY – GLCF. Imagem do satélite TM/LANDSAT ortorretificada. Disponível em: <http://glcf.umiacs.umd.edu/>. Acesso em: 2 out. 2012.

INSTITUTO NACIONAL DE PESQUISAS ESPACIAIS – INPE. Imagens do satélite TM/LANDSAT georreferenciada. Disponível em: <http://www.inpe.br>. Acesso em: 2 out. 2012.

LANDIS, J. R.; KOCH, G. G. The measurement of observer agreement for categorical data. Biometrics, v. 33, n.1, p.159-174, 1977.  doi

LEITE, M. E.; SANTOS, I. S.; ALMEIDA, J. W. L. Mudança de uso do solo na bacia do Rio Vieira, em Montes Claros/MG. Revista Brasileira de Geografia Física, v. 4, N.4, p. 779-792, 2011. Disponível em: <http://www.revista.ufpe.br/rbgfe/index.php/revista/article/viewArticle/199>. Acesso em: 15 jul. 2014.

LUIJTEN, J. C. A systematic method for generating land use patterns using stochastic rules and basic landscape characteristics: results for a Colombian hillside watershed. Agriculture, Ecosystems & Environment, v. 95, n. 2-3, p. 427-441, 2003. doi

MULLER, M. R.; MIDDLETON, J. A Markov model of land-use change in the Niagara Region, Ontario, Canada. Landscape Ecology, v. 9, n. 2, p. 151-157, 1994. doi

NATIONAL AERONAUTICS AND SPACE ADMINISTRATION - NASA. Shuttle Radar Topography Mission. Disponível em: <http://www2.jpl.nasa.gov/srtm/>. Acesso em: 2 out. 2012.

TAKADA, T.; MIYAMOTO, A.; HASEGAWA, S. F. Derivation of a yearly transition probability matrix for land-use dynamics and its applications. Landscape Ecology, v. 25, n.4, p. 561-572, 2010. doi

VAEZA, R. F. et al. Uso e ocupação do solo em bacia hidrográfica urbana a partir de imagens orbitais de alta resolução. Floram, v. 17, n. 1, p. 23-29, 2010. doi

YANG, XIN.; ZHENG, XIN-QI.; LV; LI-NA. A spatiotemporal model of land use change based on ant colony optimization, Markov chain and cellular automata. Ecological Modelling, v. 233, p. 11-19, 2012. doi