Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

Presença de indicadores biológicos em área restaurada com técnica de plantio sucessional

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/VIII.SimposFloresta.2014.216-666-1 

 

downloadpdf

Everson B. de Oliveira1, Luiz C. Marangon2, Ana L. P. Feliciano2, Rinaldo L. C. Ferreira2, Gabriela M. do Couto2, Joselane P. G. da Silva2 & Valdemir F. da Silva2

 

Resumo: Uma das alternativas para avaliar o sucesso de projetos de restauração florestal, esta associada à presença de indicadores biológicos, os quais podem servir como um diagnóstico ambiental da área restaurada. Este trabalho teve por objetivo registrar a presença de indicadores biológicos em uma área ciliar, 24 meses após o plantio de mudas com a técnica sucessional, no município de Timbaúba- PE. Na coleta dos dados foi realizada registros de fotográficos, durante o período de mensurações das espécies plantadas. Na área estudada, foram registrados o estabelecimento da fauna, floração e frutificação das espécies plantadas e ainda regeneração natural. Verifica-se que a implantação da técnica de restauração proporcionou a área diversos benéficos, porém, sugere-se então a análises e o monitoramento desses indicadores, de forma continua.

Palavras-chave: ecossistemas, fauna, recuperação

 

1 Colégio Agrícola Dom Agostinho Ikas (eversonbo2010@gmail.com)
2 Universidade Federal Rural de Pernambuco (marangon@dcfl.ufrpe.br; rinaldo@dcfl.ufrpe.br; licia@dcfl.ufrpe.br; gabimartucci@yahoo.com.br; joselane.gomess@gmail.com; valdemir2100@hotmail.com)

 

Literatura Citada

ALMEIDA, A. F.; ALMEIDA, A. Monitoramento de fauna e de seus habitas em áreas florestadas. Série Técnica IPEF, v. 12, n. 31, p.85-92, 1998. <http://www.ipef.br/publicacoes/stecnica/nr31/cap8.pdf>. Acesso em: 21 jul. 2014.

BASTOS, S. C. Aplicação de indicadores de avaliação e monitoramento em um projeto de restauração florestal, Reserva Particular do Patrimônio Natural – RPPN Fazenda Bulcão, Aimorés, MG. 2010. 131f. Dissertação (Mestrado em Botânica) - Universidade Federal de Viçosa, 2010. Disponível em: <http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/bitstream/handle/123456789/6484/Dissertacao_Suzanne-de-Castro-Bastos.pdf?sequence=1>. Acesso em: 20 jul. 2014.

DALE, V. H.; BEYELER, S. C. Challenges in the development and use of ecological indicators. Ecological Indicators, Cambridge, v. 1, n.1, p. 3-10, 2001. doi

MARTINS, S.V. Recuperação de matas ciliares. 2 ed. Viçosa, MG: Aprenda Fácil/ Centro de Produções Técnicas, 2007. v.1, 255p.

PADOVEZI, A. O processo de restauração ecológica de APP´s na microbacia do Campestre, Saltinho – SP: uma proposta de diálogo entre conhecimentos. 2005. 257f. Dissertação (Mestrado em Recursos Florestais) - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Universidade de São Paulo, Piracicaba. Disponível em: <http://www.bibliotecaflorestal.ufv.br/bitstream/handle/123456789/6397/dissertacao_Padovezi,%20Aurelio.pdf?sequence=1>. Acesso em: 23 jul. 2014.

RODRIGUES, R. R.; BRANCALION, P. H. S.; ISERNHAGEN, I. Pacto pela restauração da mata atlântica: referencial dos conceitos e aços de restauração florestal. São Paulo: LERF/ESALQ, 2009. 256 p.

RODRIGUES, R.R.; GANDOLFI, S. Conceitos, tendências e ações para a recuperação de florestas ciliares. In: RODRIGUES, R.R.; LEITÃO FILHO, H.F. (Ed.). Matas ciliares: conservação e recuperação. 2.ed. São Paulo: Edusp, 2004. p.235-248.