Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

Estrutura horizontal de um fragmento de floresta ombrófila densa no município de Macaíba, RN

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/VIII.SimposFloresta.2014.20-52-1 

 

downloadpdf

Luan H. B. de Araújo1, Camila C. da Nóbrega, Mary A. B. de Carvalho, Rafaela M. R. Bezerra, Danielle M. Lúcio, Eduardo de A. Lopes & José A. da S. Santana

 

Resumo: Estudos fitossociológicos em remanescentes florestais são de suma importância para caracterização da estrutura horizontal de comunidades florestais. Objetivou-se analisar a fitossociologia da vegetação, caracterizando a estrutura horizontal de um fragmento de floresta ombrófila densa no município de Macaíba, RN. Para a coleta de dados do componente arbóreo, utilizou-se a metodologia de pontos quadrantes, alocando cinco transectos distribuídos sistematicamente a uma distancia de 15 metros entre si e estabelecendo 175 pontos quadrantes ao longo das trilhas, mantendo a distancia de 8 metros entre estes, sendo incluídos na amostragem todos os indivíduos com DAP ≥ 3,18 cm e altura mínima de 1,0 m. A densidade estimada do fragmento foi de 1873 indivíduos ha-1 , com área basal de 22,11 m² ha-1 , índice de diversidade de Shannon de 3,19 nats ind-1 e índice de equabilidade de Pielou de 0,79. A maior proporção de indivíduos se distribuiu entre os intervalos de 3,18 a 8,19 cm de diâmetro e 3,79 a 5,79 m de altura. Com base nos dados analisados do inventário florístico, a área estudada se caracteriza como floresta ombrófila densa, em estágio médio de regeneração, tendo Copaifera cearenses como a espécie que apresentou maior valor de importância no fragmento.

Palavras-chave: Estrutura horizontal, Fitossociologia, Inventário florístico, Mata atlântica.

 

1 Universidade Federal do Rio Grande do Norte (luan_henriqueba@hotmail.com; camila_cnobrega@hotmail.com; eaamaryannecarvalho@hotmail.com; rafaengfloresta@gmail.com; danimoraesluc@hotmail.com; eduardo_almeida_27@hotmail.com; augusto@ufrnet.br)

 

Literatura Citada

BROWER, J. E.; ZAR, J. H. Field and laboratory methods for general ecology. 2.ed. Dubuque: W m. C Brown Publishers, 1984. 226 p.

FINOL, U. H. La silvicultura em la Orinoquia venezolana. Revista Forestal Venezolana, Caracas, v. 25, p. 37-114, 1975.

LAMPRECHT, H. Ensayo sobre la estrutura florística de la parte sur- oriental del bosque universitário “El aimital”, Estado Barinas. Revista Forestal Venezolana, Caracas, v. 7, n. 10/11, p. 77-119, 1964.62

RODRIGUES, W. A., PIRES, J. M. Inventário fitossociológico. In: ENCONTRO SOBRE INVENTÁRIOS FLORÍSTICOS NA AMAZONIA, 1., 1988, Manaus. Anais... Manaus: UFRA, 1988. 5p.