Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

Análise da Distribuição Espacial da Temperatura do Ar em Uma Casa de Vegetação

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/II-SGEA-a01

 

downloadpdf

Diego S. Voltan1, Rogério Z. Barbosa2, João E. M. P. Martins3 & Célia R. L. Zimback4

 

Resumo: Este trabalho mostra a análise da variação da temperatura em uma casa de vegetação, usando fatores de análise temporal e espacial. A casa de vegetação foi dividida em uma grade de 114 pontos de medições térmicas. Para cada ponto foram realizadas medições de temperatura em três alturas diferentes, a 0,30 m, 1,20m e 2,00 m, sendo que o experimento foi realizado três vezes em um dia, as 9, 12 e 16 horas. Os dados foram estatisticamente computados para mostrar a temperatura média na casa de vegetação em cada altura e horário do experimento. Além disto, o trabalho usa a análise geoestatística para a interpolação de dados e mostra a variação da temperatura na altura intermediária utilizando uma representação gráfica em duas e três dimensões. Os resultados mostram uma significativa variação da temperatura na casa de vegetação analisada e comprovam que o uso de métodos geoestatisticos pode ser uma eficiente ferramenta para a análise e controle de casa de vegetação.

Palavras-chave: ambiente protegido; variação térmica; geoestatística

 

Abstract: This work shows the analysis of temperature variation inside a greenhouse, considering temporal and spatial factors. The greenhouse was divided as a grid with 114 points of thermal measurement. For each grid point the temperature was measured at 0.30m, 1.20m and 2.00 meters, and the experiment repeated three times in one day at 9, 12 and 16 hours. The data were statically computed to show the mean temperature inside the greenhouse for each different height and time. Besides, the work used the GS+ software for data interpolation and shows two-dimensional and three-dimensional representation of the temperature variation at the intermediate height of measurement. The results has shown a significant temperature variation in the greenhouse and proved that geostatistical methods can be an efficient tool for analysis and control of the greenhouse

Key words: greenhouse; thermal variation; geostatistic.

 

1 Engº Agrônomo, UNESP/Pós-Graduação em Irrigação e Drenagem – FCA, diegosvoltan@gmail.com
2 Engº Agrônomo, UNESP/Pós-Graduação em Irrigação e Drenagem – FCA, rogerio@fca.unesp.br
3 Doutor em Física Aplicada, UNESP/Departamento de Computação (FC), perea@fc.unesp.br
4 Doutora em Agronomia, UNESP/Departamento de Recursos Naturais, czimback@gmail.com

 

Literatura Citada

BARTZANAS, T; KITTAS, C; BOULARD, T. Effect of vent arrangement on windward ventilation of a tunnel greenhouse. Biosystems Engineering, v. 88, n. 4, p. 479-90. 2004.

BOJACÁ, C. R., GIL, R., COOMAN, A. Use of geostatistical and crop growth modelling to assess the variability of greenhouse tomato yield caused by spatial temperature variations. Computers and Electronics in Agriculture, v. 65, n. 2, p. 219-227, 2009.

KITTAS, C.; BARTZANAS, T. Greenhouse microclimate and dehumidification effectiveness under different ventilator configurations. Building and Environment, v. 42, n. 10, p. 3774-3784, 2007.

OMER, A. M. Constructions, applications and the environment of greenhouses. African Journal of Biotechnology. v. 8, n. 25, p. 7205-7227, 2009.

ROBERTSON, G. P. GS+: Geostatistics for the environmental sciences - GS+ User´s Guide. Plainwell: Gamma Desing Software, 152p, 1998.

ROMANINI, C.E.B.; Angel P. GARCIA; Leonardo M. Alvarado; Nelson L. Cappelli & Claudio K. Umezu . Desenvolvimento e simulação de um sistema avançado de controle ambiental em cultivo protegido. Revista brasileira de engenharia agrícola e ambiental, Campina Grande, v. 14, n. 11, Nov. 2010.

SAPOUNAS, A.A., NIKITA-MARTZOPOULOU, C.H. and SPIRIDIS, A. Prediction the spatial air temperature distribution of an experimental greenhouse using geostatistical methods. Acta Horticulturae: 801. p. 495-500. 2008.

SONI, P.; SALOKHE, V.M.; TANTAU, H.J. Effect of Screen Mesh Size on Vertical Temperature Distribution in Naturally Ventilated Tropical Greenhouses. Biosystems Engineering, v. 92, n. 4, p. 469–482. 2005.

TERUEL, B. J. Controle automatizado de casas de vegetação: Variáveis climáticas e fertigação. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental. v.14, n.3, p.237–245, 2010.

ZHANG, Z. K.; LIU, S. H.; HUANG, Z. J. Estimation of cucumber evapotranspiration in solar greenhouse in northeast China. Journal Agricultural Sciences in China, New York, v. 9, n. 4, p. 512-518, abr. 2010a.

ZHANG, X.; KANG, S.; ZHANG, L.; LIU, J. Spatial variation of climatology monthly crop reference evapotranspiration and sensitivity coefficients in Shiyang river basin of nothwest China. Journal Agricultural Water Management, New York, v. 1, n. 97, p. 1506 – 1516, jun. 2010b.

ZIMBACK, C.R.L. Análise espacial de atributos químicos de solos para fins de mapeamento da fertilidade. 2001. 114 p. Tese de Livre-Docência (Livre-Docência em Levantamento do solo e fotopedologia), FCA/UNESP, 2001.