Aplicações de Geoestatística na Saúde: Acidentes de Trânsito em Presidente Prudente – SP

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/III-SGEA-a03

 

downloadpdf

Patricia S. S. Matsumoto1 & Edilson F. Flores2

 

Resumo: Os acidentes de trânsito se constituem como importante problema de saúde pública. Além de suas consequências econômicas, gera graves problemas em âmbito social, podendo induzir indivíduos ao óbito. Atualmente, o crescimento incessante da frota de veículos, principalmente de carros e motos, tem contribuído para um aumento significativo do número de acidentes em meio urbano, pois cria-se um trânsito complexo e tenso, onde há muitas ocorrências de acidentes de trânsito. A geoestatística tem sido elementar para se tratar a problemática numa perspectiva espacial. Nesse sentido, o objetivo deste trabalho é identificar onde ocorre a maior concentração dos acidentes de trânsito na cidade de Presidente Prudente. Para isso, elaborou-se semivariogramas, a fim de se verificar a existência de isotropia ou anisotropia do fenômeno e, assim, fazer provisões acerca das ocorrências. Assumindo-se processo isotrópico, foram geradas visualizações cartográficas que permitiram verificar a distribuição espacial e a intensidade dos acidentes de trânsito, fato fundamental para auxiliar ações de planejamento de tráfego e da saúde.

Palavras-chave: planejamento urbano; semivariograma; concentração

 

Abstract: Traffic accidents constitute an important public health problem. Besides its economic consequences, causes serious problems in the social sphere, may induce individuals to death. Currently, the unrelenting growth of the fleet of vehicles, mainly cars and motorcycles, has contributed to a significant increase in the number of accidents in urban areas because it creates a tense and complex transit, where there are many occurrences of traffic accidents. Geostatistics has been elemental to treat the problem in a spatial perspective. Accordingly, the aim of this work is to identify where the greatest concentration of traffic accidents in the city of Presidente Prudente. For this, we prepared semivariograms in order to verify the existence of isotropy or anisotropy of the phenomenon and thus make provision about the occurrences. Assuming isotropic process, we generated cartographic visualizations that allow to verify the spatial distribution and intensity of traffic accidents, an important information to aid traffic planning actions and health.

Key words: urban planning; semivariogram; concentration.

 

1 Geógrafa, mestranda do Programa de Pós-Graduação em Geografia, FCT/UNESP, pamatsumot@gmail.com
2 Doutor em Geociência e Meio Ambiente, FCT/ UNESP/ Depto. de Estatística, efflores@fct.unesp.br

 

Literatura Citada

ANDRIOTTI, J. L. S. Fundamentos de Estatística e Geoestatística. São Leopoldo: UNISINOS, 2005. 165p.

IPEA - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada. Disponível em: <http://www.ipea.gov.br/.> Acesso em: 06 de out. de 2009.

LANDIM, P.M.B. Análise Estatística de dados Geológicos. São Paulo: Editora da UNESP, 1998.

WAISELFISZ, J. J. Mapa da Violência 2012. Os novos padrões da violência homicida no Brasil. São Paulo, Instituto Sangari, 2012. Disponível em: <http://mapadaviolencia.org.br/>. Acesso em: 6 de dez. de 2012.