Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Correlação entre Componentes da Produtividade da Cana-de-Açúcar com o pH de Um Argissolo Vermelho Distrófico

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/IV-SGEA-a09

 

downloadpdf

Lima1, C. G. R.; Carvalho2, M. P.; Montanari3, R.; Lima4, R. C.; Duarte5, A. A.

 

Resumo: A produtividade agrícola depende da qualidade química dos solos. Assim, as práticas de manejo pontual do solo objetivam melhores condições para o desenvolvimento das culturas, reduzindo os custos com insumos. No ano agrícola 2013/2014, na fazenda Valença-I, Suzanápolis-SP, foram analisados os atributos da cana-de-açúcar: produtividade (TCH), população de plantas (POP) e, açúcares totais recuperáveis (ATR); e de um Argissolo Vermelho distrófico: pH (pH) e o delta pH (DpH), em diferentes profundidade no perfil (0-0,20 m; 0,20-0,40 m; 0,80-1,00 m). Objetivou-se avaliar a dependência e as correlações espaciais entre os atributos da planta com os do solo. Para tanto se instalou uma rede geoestatística contendo 118 pontos amostrais, em uma área de 10,5 ha-1. O estudo mostrou que houve uma apreciável resposta entre a produtividade da cana-de-açúcar com o pH do solo na camada de 0,20-0,40 m. O DpH3 na camada de 0,80-1,00 m também apresentou interação tanto com TCH como com o ATR da cana, possibilitando inferir que melhor qualidade química na camada mais profunda proporcionou melhor qualidade tecnológica do produto industrializável. Por fim, o estudo dos atributos do solo nas camadas mais profundas revelou importante interação tanto com a produtividade quanto com o componente tecnológico da cultura.

Palavras-chave: Atributos químicos do solo; manejo do solo; geoestatística.

 

Abstract: The rates of agricultural productivity depend primarily on the productive capacity of soils. Thus, management practices aim to provide better conditions for crop development. The attributes of plant, in no-tillage: sugarcane productivity-TCH, population-POP, and total recoverable sugar-TRS; and chemicals of soil (hydrogenic potential-pH and ∆pH-DpH), in a Red Ultisol of Valencia-I Farm, in the city of Suzanapolis, São Paulo State, Brazil were analyzed for 2013/2014 growing season. The purpose was to study the dependence and spatial correlations among the attributes (plant and soil). A grid was installed to collect soil and plant data, with 118 sample points, in an area of 10.5 ha-1. The study showed that there was a significant response between the productivity of sugarcane and soil pH in the 0.20-0.40 m layer. The DpH3 also had considerable interaction with both TCH and ATR, making it possible to infer that better chemistry at that layer (0.80-1.00 m) provided higher technological quality of the productivity with higher ATR.

Key words: Soil chemical attributes; soil management; geostatistics.

 

1 Geógrafo, Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira - DEC/UNESP, e-mail: cesarlima@dec.feis.unesp.br
2 Agrônomo, Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira - DEFERS/UNESP, e-mail: morel@agr.feis.unesp.br
3 Agrônomo, Faculdade de Engenharia de Ilha Solteira - DEFERS/UNESP, e-mail: montanari@agr.feis.unesp.br
4 Agrônomo, Campus Experimental de Dracena - UNESP, e-mail: rclima@dracena.unesp.br
5 Economista, Universidade Estadual de Londrina - UEL, e-mail: adu_aureo@hotmail.com

 

Literatura Citada

BERNER, P. G. M.; VIEIRA, S. R.; LIMA, E.; ANJOS, L. H. C. Variabilidade espacial de propriedades físicas e químicas de um Cambissolo sob dois sistemas de manejo de cana-de-açúcar. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 31, p. 837-844, 2007.

CAMPOS, M. C. C.; MARQUES JÚNIOR, J.; PEREIRA, G. T.; FREITAS, E. V. S. Dependência espacial de atributos químicos em área cultivada com cana-de-açúcar em Pereira Barreto, SP. Revista Ciência Agronômica, v. 38, p. 350-359, 2007.

CONSECANA - Conselho dos Produtores de Cana-de-Açúcar, Açúcar e Álcool do Estado de São Paulo. Manual de instruções. Piracicaba, 2006. 116p.

CORÁ, J. E.; ARAUJO, A. V.; PEREIRA, G. T.; BERALDO, J. M. G. Variabilidade espacial de atributos do solo para adoção do sistema de agricultura de precisão na cultura de cana-de-açúcar. Revista Brasileira de Ciência do Solo, v. 28, p. 1013-1021, 2004.

CORÁ, J. E.; BERALDO, J. M. G. Variabilidade espacial de atributos do solo antes e após calagem e fosfatagem em doses variadas na cultura de cana-de-açúcar. Engenharia Agrícola, v. 26, p. 374-387, 2006.

DALCHIAVON F. C.; CARVALHO, M. P.; NOGUEIRA, D. C.; ROMANO, D.; ABRANTES, F. L.; ASSIS, J. T.; OLIVEIRA, M. S. Produtividade da soja e resistência mecânica à penetração do solo sob sistema plantio direto no cerrado brasileiro. Pesquisa Agropecuária Tropical, v. 41, p. 08-19, 2011.

EMBRAPA – Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. Manual de análises químicas do solo, plantas e fertilizantes. 2. ed. Brasília: 2009. 627p.

MELLO, G.; BUENO, C. R. P.; PEREIRA, G. T. Variabilidade espacial das propriedades físicas e químicas do solo em áreas intensamente cultivadas. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola Ambiental, v. 10, p. 294–305, 2006.

MIGUEL, F. R. M. Variabilidade espacial de atributos do solo e produtividade em área cultivada com cana-de-açúcar. 2010. 80f. (Dissertação de Mestrado). Instituto Agronômico de Campinas, Campinas-SP, 2010.

RAIJ, B. V. Fertilidade do solo e adubação. Piracicaba: Ceres, 1991. 343 p.

ROBERTSON, G. P. GS+: geostatistics for environmental sciences. 7. ed. Michigan, Plainwell: Gamma Desing Software, 2004. 159p.

SOUZA, Z. M.; BARBIERI, D. M.; MARQUES JÚNIOR, J.; PEREIRA, G. T. & CAMPOS, M. C. C. Influência da variabilidade espacial de atributos químicos de um Latossolo na aplicação de insumos para cultura de cana-de-açúcar. Ciência Agrícola, v. 31, p. 371-377, 2007.

SOUZA, Z. M.; MARQUES JÚNIOR, J.; PEREIRA, G. T.; MOREIRA, L. F. Variabilidade espacial do pH, Ca, Mg e V% do solo em diferentes formas do relevo sob cultivo de cana-de-açúcar. Ciência Rural, v. 34, p. 1763-1771, 2004.