Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Amostras Virtuais no Planejamento Amostral de Atributos do Solo de Uma Bacia Hidrográfica

DOI: http://dx.doi.org/10.12702/IV-SGEA-a20

 

downloadpdf

Moraes1, D. A. C.; Sartori2, A. A. C.; Zimback3, C. R. L.

 

Resumo: O presente trabalho teve como objetivo verificar a viabilidade da inserção de amostras aleatórias virtuais em um conjunto de amostras de alguns atributos do solo, como subsídio para o planejamento da malha amostral a ser utilizada na análise geoestatística. Para tanto foram selecionadas aleatoriamente 16 amostras do conjunto original de atributos de solo (profundidade de 0-20 cm e 20-40 cm) com a finalidade de realizar a validação externa. Foi realizada a elaboração de poligonos de Thiessen com base nas amostras originais remanescentes (34 amostras) e em seguida a inserção aleatória de amostras virtuais (66 amostras). Com isso foi realizada a análise variográfica, validação cruzada, krigagem ordinária e posterior validação externa. A inserção aleatória de amostras virtuais mostrou-se viável, uma vez que esta permitiu o aumento do valor do IDE e a melhora da validação cruzada dos atributos do solo, que em condição original (50 amostras) não apresentaram resultados satisfatórios. Além disso os resultados mostraram que a distância máxima para amostragem, no presente estudo, deve ser assumida em 1.500 m. A validação externa obteve resultados satisfatórios, indicando que a malha amostral (100 amostras) pode ser utilizada no planejamento amostral para análise geoestatística, desde que sejam consideradas as restrições de campo.

Palavras-chave: polígonos de Thiessen, variograma; validação cruzada

 

Abstract: This study aimed to verify the viability of virtual samples within a set of some soil samples, as subsidies for sampling grid plan to be used in geostatistical analysis. Were selected, randomly, 16 soil samples (0-20 cm and 20-40 cm depths) from original dataset, with objective to realize the external validation. Was applied the Thiessen polygons procedure based on remaining original soil samples (34 samples), and then were inserted, randomly, virtual samples (66 samples). The variogram analysis, cross validation, ordinary kriging and external validation were executed after. The insertion of virtual samples showed viable itself, once that SDI (Spatial Dependence Index) and cross validation for soil attributes were improved, situation that not occurred for these soil attributes considering 50 original samples. Furthermore, results showed that the maximum distance for soil sampling in this study must be assumed in 1,500 m. The external validation obtained good results, indicating that sampling (100 samples) could be used for sampling plan for geostatistical analysis, since that consider the field restrictions.

Key words: Thiessen polygons, variogram, cross-validation

 

1 Doutorando em Irrigação e Drenagem, FCA/UNESP – Departamento de Solos e Recursos Ambientais - Rua José Barbosa de Barros, 1780 CEP: 18610-307 Botucatu, SP – Brasil, diegomoraes@fca.unesp.br
2 Doutor em Irrigação e Drenagem, FCA/UNESP – Departamento de Solos e Recursos Ambientais - Rua José Barbosa de Barros, 1780 CEP: 18610-307 Botucatu, SP – Brasil. sartori80@gmail.com
3 Prof. Adjunto do Departamento de Solos e Recursos Ambientais - Rua José Barbosa de Barros, 1780 CEP: 18610-307 Botucatu, SP – Brasil. czimback@gmail.com

 

Literatura Citada

BEYER, H. L.. Hawth's Analysis Tools for ArcGIS. 2004. Disponível em: <http://www.spatialecology.com/htools>. Acesso em: 26 set. 2014.

CASTRIGNANÒ, A. Introduction to spatial data processing. 1. ed. Roma: Aracne, 2011. 108 p.

CERRI, C. E. P. et al. Assessment of soil property spatial variation in an Amazon pasture: basis for selecting an agronomic experimental area. Geoderma, S.i., v. 2004, n. 123, p.51-68, 08 abr. 2004. Disponível em: <http://www.sciencedirect.com>. Acesso em: 06 dez. 2013.

CHILÈS, J.P., DELFINER, P.. Geostatistics: Modeling Spatial Uncertainty. New York: John Wiley & Sons, Inc., 1999. 721p.

ENVIRONMENTAL SYSTEMS RESEARCH INSTITUTE. ArcGIS Desktop: Release 10.1. Redlands, CA. 2012.

JOURNEL, A. G. Fundamentals of geostatistics in five lessons. Washington: American geophysical union, 1989. 134 p.

OLIVER, M. Geostatistical Applications for Precision Agriculture. Londres: Springer, 2010. 331 p.

RIBEIRO, D.t. et al. Utilização de critérios geoestatísticos para comparação de malha de sondagem visando à maximização da quantidade de recursos. Rem: Revista Escola de Minas, Ouro Preto, v. 65, n. 1, p.113-118, jan. 2012. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/rem/v65n1/a16v65n1.pdf>. Acesso em: 19 jan. 2015.

TEIXEIRA, D. B. et al. Avaliação da krigagem ordinária e simulação sequencial gaussiana na interpolação da emissão de CO2 do solo. In: II SIMPÓSIO DE GEOESTATÍSTICA APLICADA EM CIÊNCIAS AGRÁRIAS, 3, 2011, Botucatu. Anais.... Botucatu: Fepaf, 2011. p. 1 - 6.

WEBSTER, R.; OLIVER, M. A. Sample adequately to estimate variograms of soil properties. Journal of Soil Science, S.i., v. 43, p.177-192, mar. 1992. Disponível em: <http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/j.1365-2389.1992.tb00128.x/abstract>. Acesso em: 26 set. 2014.

YAMAMOTO, J. K.; LANDIM, P. M. B.. Geoestatística: Conceitos e Aplicações. São Paulo: Oficina de Textos, 2013. 215 p.

ZIMBACK, C. R. L. Levantamento semidetalhado dos solos da bacia do Rio Pardo nos Municípios de Pardinho e Botucatu. Botucatu: FEPAF, FCA-UNESP, 1997. 55 p.

ZIMBACK, C. R. L. Análise espacial de atributos químicos de solos para fins de mapeamento da fertilidade. 2001. 114 f. Tese (Livre-Docência em Levantamento do solo e Fotopedologia)-Faculdade de Ciências Agronômicas, Universidade Estadual Paulista, Botucatu, 2001.