Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

“É prá Baixar o Porrete!”* Notas Iniciais sobre Discursos Punitivos / Discriminatórios Acerca das Homossexualidades e Transgeneridades

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-0985/mandragora.v21n21p47-84

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/MA/index 

downloadpdf

Eduardo M. de A. Maranhão Filho2

 

Resumo: Este artigo é um trabalho introdutório e rasurável de mapeamento de discursos religiosos punitivos / discriminatórios acerca das homoafetividades / homossexualidades (tipos de orientações afetivas e sexuais) e em paralelo das transgeneridades (condições sócio-políticas de transgressão de expectativas de gênero, que englobam identidades e expressões de gênero trans*), equivocadamente tomadas como sinônimos de homossexualidades / afetividades, bem como algumas das recentes reações a tais discursos. Fundamenta-se em discursos observados na mídia, entre 2010 e maio de 2015, e em trabalho de campo realizado com pessoas trans* e, em menor escala, com pessoas homossexuais / afetivas, entre 2010 e 2014.

Palavras-chave: discursos religiosos punitivos / discriminatórios; cura e libertação de homossexuais e de travestis; fundamentalismos religiosos, de gênero e de orientação afetiva / sexual.

 

Abstract: Este artículo es un trabajo introductorio de seguimento a discursos religiosos punitivos/discriminatórios hacia homoafectividades/sexualidades (y, en paralelo, de los transgéneros, equivocadamente tomados como sinónimos de homossexualidades / afectividades) así como algunas de las recientes reacciones frente a estas miradas fundamentalistas. Se basa en discursos extraídos de los médios de comunicación, desde el año 2010 hasta mayo de 2015, y en trabajos realizados en campo con personas trans* y, en menor escala, con personas homossexuales, entre 2010 y 2014.

Key words: discursos religiosos punitivos / discriminatórios; curación y liberación de homosexuales y travestis; fundamentalismo religioso, de género y de orientación afectiva/sexual.

 

1 A frase aspeada se refere ao título de um vídeo na internet, com a fala do pastor Silas Malafaia, a respeito das homossexualidades / afetividades (ou do “homossexualismo”, como ele costuma, equivocadamente, chamar tais orientações sexuais / afetivas). A frase literal foi: “É prá Igreja Católica entrar de pau em cima destes caras. Sabe? Baixar o porrete em cima”, e foi dita no contexto da Parada LGBT de 2011, como veremos adiante.
2 Presidente da Associação Brasileira de História das Religiões (ABHR). Doutor em História Social pela Universidade de São Paulo (USP), mestre em História pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), especialista em Marketing e Comunicação Social pela Fundação Cásper Líbero, graduado em História pela USP. Autor de A grande onda vai te pegar: marketing, espetáculo e ciberespaço na Bola de Neve Church (2013), entre outras publicações. Site: ciborgues.tk. E-mail: edumeinberg@gmail.com

 

Literatura Citada

ASSIS, Dallmer Palmeira Rodrigues de. Homossexualidade em levítico. In: CALVANI, Carlos Eduardo (org.). Bíblia e sexualidade – abordagem teológica, pastoral e bíblica. São Paulo: Fonte Editorial, 2010.

BÍBLIA DE JERUSALÉM. São Paulo: Paulus Editora, 2002.

BRAKEMEIER, Gottfried. Igrejas e homossexualidade – ensaio de um balanço, 2010. In: CALVANI, Carlos Eduardo (org.). Bíblia e sexualidade – abordagem teológica, pastoral e bíblica. São Paulo: Fonte Editorial, 2010.

CALVANI, Carlos Eduardo (org.). Bíblia e sexualidade – abordagem teológica, pastoral e bíblica. São Paulo: Fonte Editorial, 2010.

ELLENS, J. Harold. Sexo na Bíblia – novas considerações. Tradução: Eliel F. Vieira. São Paulo: Fonte Editorial, 2011. 296 p.

FRANCO, Bispo Celso. Sobre sexualidade e o pecado da homofobia. In: CALVANI, Carlos Eduardo (org.). Bíblia e sexualidade – abordagem teológica, pastoral e bíblica. São Paulo: Fonte Editorial, 2010.

LANZ, Letícia. O corpo da roupa: a pessoa transgênera entre a transgressão e a conformidade com as normas de gênero. 342 p. Dissertação (Mestrado em Sociologia) – Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2014.

MALAFAIA, Silas. O cristão e a sexualidade. Rio de Janeiro: Central Gospel, 2004.

MARANHÃO Fº, Eduardo Meinberg de Albuquerque. A grande onda vai te pegar: marketing, espetáculo e ciberespaço na Bola de Neve Church. São Paulo: Fonte Editorial, 2013.

MARANHÃO Fº, Eduardo Meinberg de Albuquerque. Anotações sobre a “inclusão” de travestis e transexuais a partir do nome social e mudança de prenome. In: MARANHÃO Fº, Eduardo Meinberg de Albuquerque (org.). Dossiê (In) Visibilidade Trans 1. História Agora, São Paulo, volume 1, n. 15, pp. 29-59, 2013.

MARANHÃO Fº, Eduardo Meinberg de Albuquerque. “Inclusão” de travestis e transexuais através do nome social e mudança de prenome: diálogos iniciais com Karen Schwach e outras fontes. Oralidades – Revista de História Oral da USP, dossiê Diversidades e Direitos, pp. 89-116, 2012.

MARANHÃO Fº, Eduardo Meinberg de Albuquerque. “Nós somos a dobradiça da porta”: notas preliminares sobre as mulheres na Bola de Neve Church. In: SOUZA, Sandra Duarte de (org.). Mandrágora, volume 18, n. 18, 2012.

MARANHÃO Fº, Eduardo Meinberg de Albuquerque. (Re/des)conectando gênero e religião. Peregrinações e conversões trans* e ex-trans* em narrativas orais e do Facebook. 796 p. Tese (Doutorado em História Social) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2014.

McNEILL, John J. Homossexualidade: desafio ao crescimento da Igreja. In: PROENÇA, Eduardo de. Homossexualidade – perspectivas cristãs. São Paulo: Fonte Editorial, 2008.

MUSSKOPF, André Sidnei. Via(da)gens teológicas: itinerários para uma teologia queer no Brasil. 525 p. Tese. (Doutorado em Teologia) – Faculdades EST, São Leopoldo, 2008.

NASCIMENTO, Andrew Feitosa do Nascimento. “Eu amo homossexuais como eu amo bandidos”: o pensamento religioso de Silas Malafaia. In: MARANHÃO Fº, Eduardo Meinberg de Albuquerque (org.). Anais do 1o Simpósio Sudeste da ABHR, 1o Simpósio Internacional da ABHR, Diversidades e (In)Tolerâncias Religiosas. São Paulo: ABHR, 2013. pp. 1730-1740.

NELSON, James B. A homossexualidade e a igreja. In: PROENÇA, Eduardo de. Homossexualidade: perspectivas cristãs. São Paulo: Fonte Editorial, 2008.

PROENÇA, Eduardo de. Homossexualidade: perspectivas cristãs. São Paulo: Fonte Editorial, 2008.

RAMOS, Jair de Souza. A sexualidade como campo de batalha na internet: grupos religiosos e movimentos feministas e LGBT na luta em torno dos direitos sexuais. In: 29A REUNIÃO BRASILEIRA DE ANTROPOLOGIA, 2014, Natal, RN. Natal: RBA, 2014.

VIULA, Sérgio. Em busca de mim mesmo. Rio de Janeiro: Livre Expressão, 2010.

 

Referências na Internet

AFFONSO, Julia; MACEDO, Fausto. Levy Fidelix é condenado a pagar R$ 1 milhão por declarações homofóbicas. Disponível em: <http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/levy-fidelix-e-condenado-a-pagar-r-1-milhao-por-declaracoes-homofobicas/>. Acesso em: 16 mar. 2015.

Bolsonaro é condenado a pagar R$ 150 mil por declarações homofóbicas. G1. Disponível em: <http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2015/04/bolsonaro-e-condenado-pagar-r-150-mil-por-declaracoes-homofobicas.html>. Acesso em: 14 abr. 2014.

CARMONA, Bruna; RESENDE, Dayse; CÂMARA, Luciene. Homossexual é agredido em ritual de ‘purificação de gays’. In: O tempo, 20 set 2014. Disponível em: <http://www.otempo.com.br/cidades/homossexual-%C3%A9-agredido-em-ritual-de-purifica%C3%A7%C3%A3o-de-gays-1.919107>. Acesso em: 20 set. 2014.

CUNHA, Magali do Nascimento. Deputado Pr. Marco Feliciano faz campanha em favor da ‘cura gay’. Disponível em: <http://midiareligiaopolitica.blogspot.com.br/2015/05/deputado-pr-marco-feliciano-faz.html>. Acesso em: 28 abr. 2015.

CUNHA, Magali do Nascimento. O caso Marco Feliciano: um paradigma na relação mídia-religião-política. Blog Mídia, religião e política, 15 abr. 2013. Disponível em: <http://midiareligiaopolitica.blogspot.com.br/2013/04/o-caso-marco-feliciano-um-paradigma-na.html>. Acesso em: 18 abr. 2013.

Em 2018 Bolsonaro e Levy Fidelix podem concorrer juntos a Presidência da República. PRTB – Para o Brasil Mudar. Disponível em: <http://prtb.org.br/2015/05/04/em-2018-bolsonaro-e-levy-fidelix-podem-concorrer-juntos-a-presidencia-da-republica/>. Acesso em: 4 maio 2015.

Feliciano admite derrota e diz que ‘cura gay’ pode voltar: nos aguarde em 2015’. Portal Terra. Disponível em: <http://noticias.terra.com.br/brasil/politica/feliciano-admite-derrota-e-diz-que-cura-gay-pode-voltar-nos-aguarde-em-2015,cfaa6d17171af310VgnVCM3000009acceb0aRCRD.html>. Acesso em: 29 set. 2013.

Levy Fidelix (PRTB) faz discurso homofóbico no debate à presidência. YouTube (2min34seg.). Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=c1UPUP-H76o>. Acesso em: 29 set. 2014.

PORFÍRIO, Fernando. Ministério Público quer que Silas Malafaia se retrate por ter defendido “baixar o porrete” e “entrar de pau” contra integrantes da Parada Gay. Brasil 247. Disponível em: <http://www.brasil247.com/pt/247/brasil/43268/Pastor-pode-virar-r%C3%A9u-por-incitar-%C3%B3dio-aos-gays.htm>. Acesso em: 28 jun. 2012.

SAKAMOTO, Leonardo. A homofobia de Levy Fidelix doeu tanto quanto o silêncio dos candidatos. Blog do Sakamoto. Disponível em: <http://blogdosakamoto.blogosfera.uol.com.br/2014/09/29/a-homofobia-de-levy-fidelix-doeu-tanto-quanto-o-silencio-dos-candidatos/>. Acesso em: 29 set. 2014.

Silas Malafaia – É para descer o porrete (nos homossexuais)! YouTube. Trecho de pregação de Silas Malafaia em seu programa na TV Bandeirantes, Vitória em Cristo, exibido em 2 de julho de 2011 (2min.49seg). Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=wkIkqFfLyr0. Acesso em: 05 jul. 2011.