Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Angiossarcoma de Glândula Adrenal. Um Diagnóstico Diferencial a Ser Incluído nas Massas da Adrenal: Relato de Experiência

DOI: http://dx.doi.org/10.18606/2318-1419/amazonia.sci.health.v3n4p23-25

http://ojs.unirg.edu.br/index.php/2/ 

downloadpdf

Giorge P. Sampaio1, Leonardo Z. Sganzerla2, Rebeca de A. P. dos Santos3, Teresa C. de C. R. S. dos Santos4 & Alair A. S. M. D. dos Santos5

 

Resumo: Giorge P. Sampaio1, Leonardo Z. Sganzerla2, Rebeca de A. P. dos Santos3, Teresa C. de C. R. S. dos Santos4 & Alair A. S. M. D. dos Santos5 Introdução: Angiossarcoma localizado na adrenal é uma patologia rara, que representa menos de 1% de todos os sarcomas de tecidos moles. A incidência é de 0,1 a 0,2/100.000 adultos por ano. O paciente pode ser assintomático ou apresentar sintomas diversos. Objetivo: Verificar as implicações clínicas e radiológicas possíveis de serem encontradas em paciente diagnosticado com angiossarcoma de adrenal. Materiais e Métodos: Tratou-se de um relato de experiência sobre o atendimento ocorrido no Complexo Hospitalar de Niterói-RJ envolvendo um paciente de 62 anos, com queixa de dor torácica, dor abdominal e diarréia. Resultados: O paciente foi submetido à investigação de imagem, Tomografia Computadorizada (TC) de abdome e tórax evidenciando volumosa formação expansiva na glândula adrenal direita. Na TC de tórax observaram-se nódulos pulmonares hipervascularizados e infiltrado em vidro fosco em ambos os ápices, língula e lobo inferior direito do pulmão, com áreas de confluência alveolar nos lobos inferiores, em associação de derrame pleural septado bilateral. Foi realizada a ressecção cirúrgica da massa em topografia de adrenal direita. O exame anátomo-patológico detectou neoplasia maligna pouco diferenciada. Considerações Finais: O angiossarcoma de adrenal é raro e considerado doença agressiva de prognóstico reservado, por isso, em casos de lesões hipervascularizadas, o mesmo deverá ser diagnóstico diferencial.

Palavras-chave: Glândulas suprarrenais. Neoplasias.

 

Abstract: Introduction: Angiosarcoma located in the adrenal is a rare disease, accounting for less than 1% of all soft tissue sarcomas. The incidence is 0.1 to 0.2 / 100,000 per year adults. The patient may be asymptomatic or present different symptoms. Objective: To investigate the clinical and radiological implications able to be found in patients diagnosed with adrenal angiosarcoma. Methods: This was an experience report on the care taken place in the Hospital Complex of Niterói-RJ involving a 62-year-old patient complaining of chest pain, abdominal pain and diarrhea. Results: Results: The patient underwent imaging research, computed tomography (CT) of the abdomen and chest showing voluminous expansive formation in the right adrenal gland. In CT we observed hypervascular and infiltrated pulmonary nodules in frosted glass in both summits, lingula and right lower lobe of the lung with alveolar confluence in the lower lobes, pleural effusion in association septated bilateral. Surgical resection of the right adrenal mass topography was performed. The pathological examination detected poorly differentiated malignant neoplasm. Final Thoughts: The adrenal angiosarcoma is considered rare and aggressive disease with a poor prognosis, so in cases of hypervascular lesions, it should be differential diagnosis.

Key words: Adrenal glands. Neoplasms.

 

1 Médico. Especializando do Curso de Especialização em Radiologia e Diagnóstico por Imagem do Instituto de Pós-Graduação Médica Carlos Chagas (IPGMCC). Niteró-RJ. E-mail: giorgesampaio@hotmail.com
2 Médico. Especializando do Curso de Especialização em Radiologia e Diagnóstico por Imagem do Instituto de Pós-Graduação Médica Carlos Chagas (IPGMCC). Niterói-RJ. E-mail: leo_sganzerla@hotmail.com
3 Médica. Especializanda do Curso de Especialização em Radiologia e Diagnóstico por Imagem do Instituto de Pós-Graduação Médica Carlos Chagas (IPGMCC). Rio de Janeiro-RJ. E-mail: rebeca.albuquerque2@gmail.com
4 Médica Radiologista. Professora do Curso de Especialização em Radiologia e Diagnóstico por Imagem no Instituto de Pós-Graduação Médica Carlos Chagas (IPGMCC). Professora Associada do Serviço de Radiologia do Hospital Universitário Antônio Pedro da Universidade Federal Fluminense. Niteró-Rio de Janeiro. E-mail: teresasarmet@globo.com
5 Médico Radiologista. Coordenador geral do Curso de Especialização em Radiologia e Diagnóstico por Imagem no Instituto de Pós-Graduação Médica Carlos Chagas (IPGMCC). Professor Associado e Chefe do Serviço de Radiologia do Hospital Universitário Antônio Pedro da Universidade Federal Fluminense. Niterói-Rio de Janeiro. E-mail: alairsarmet@globo.com

 

Literatura Citada

Criscuolo M, Valerio J, Gianicolo ME, Gianicolo EAL, Portaluri M. A vinyl chloride-exposed worker with an adrenal gland angiosarcoma: A case report. Ind health. 2014; 52(1): 66-70. http://dx.doi.org/10.2486/indhealth.2013-0044

Yip L, Tublin ME, Falcone JA, Nordman CR, Stang MT, Ogilvie JB, Carty SE, Yim JH. The adrenal mass: Correlation of histopathology with imaging. Ann surg oncol. 2010; 17: 846-52. http://dx.doi.org/10.1245/s10434-009-0829-2

Kędzierski L, Hawrot-Kawecka A, Holecki M, Dulawa J. Angiosarcoma of the adrenal. Pol Arch Med Wewn. 2013; 123(9): 502-3.

Sastre VA, Ibarguren RL, Zarza BE, Bazaco JM, Mateos AV, Peña CP. Angiosarcoma suprarrenal de células fusiformes. A propósito de un caso. Arch esp urol. 2004; 57(2): 156-60.

Sung JY, Kim SAS, Park YS, Choi YL. Angiosarcoma arising within a long-standing cystic lesion of the adrenal gland: a case report. J clin oncol. 2013; 31(9): 132-36. http://dx.doi.org/10.1200/JCO.2012.44.0800

Lepoutre-Lussey C, Rousseau A, Al Ghuzlan A, Amar L, Hignette C, Cioffi A, Zinzindohoué F, Leboulleux S, Plouin PF. Primary adrenal angiosarcoma and functioning adrenocortical adenoma: an exceptional combined tumor. Eur j endocrinol. 2012; 166: 131-5. http://dx.doi.org/10.1530/EJE-11-0791

Citado por

Sem citações recebidas.