A Reabilitação na Água como Modalidade Terapêutica para as Doenças Cardiopulmonares: Estudo de Revisão

 

http://ojs.unirg.edu.br/index.php/2/ 

downloadpdf

Deidianny C. Amorim1, Gabriel Tauchert2, Péricles Braganholo3, Raul R. da S. Cordeiro4, Adriana A. B. Rezende5, Rodrigo De F. Moreira6 & Elizângela S. R. Rodrigues7

 

Resumo: Introdução: As doenças cardíacas e pulmonares representam as causas de maior morbimortalidade em todo o mundo. Tradicionalmente a reabilitação no solo, tanto para doenças cardiovasculares quanto para doenças pulmonares é amplamente utilizada, entretanto há escassez de estudos sobre reabilitação em meio aquático. A reabilitação na água pode ser outra forma de melhorar a capacidade funcional e a qualidade de vida de pacientes com doenças cardiopulmonares. Objetivo: Verificar a utilização da reabilitação na água como forma de reabilitação cardíaca ou pulmonar e sua eficácia comparada à reabilitação no solo. Material e Método: Realizou-se uma revisão de literatura comparativa, sobre a utilização da reabilitação cardíaca e pulmonar na água e no solo. Foram utilizados periódicos de livre acesso, disponíveis nas bases de dados científicas Medline, Lilacs, Pubmed e Scielo, na língua portuguesa, publicados nas últimas quatro décadas. Para busca foram utilizados os descritores hidroterapia, reabilitação e doença cardiopulmonar. Resultados: Tanto o solo quanto a água são um meio de tratamento eficaz que proporciona adaptações no sistema cardiovascular, quanto à tolerância ao exercício, força muscular, minimização da sensação de dispnéia e aumento da capacidade para as atividades funcionais. Considerações finais: A reabilitação de forma geral apresenta benefícios concretos no aparelho cardiovascular e pulmonar. Contudo, foi possível verificar que possivelmente a reabilitação na água favoreça aumento no condicionamento físico e melhorias nas atividades funcionais superiores à reabilitação no solo, tornando-se assim uma possibilidade de tratamento mais completo e eficaz em portadores de doenças cardiopulmonares.

Palavras-chave: Hidroterapia. Reabilitação. Doença Cardiopulmonar.

 

Abstract: Introduction: The heart and lung disease is the largest cause of morbidity and mortality worldwide. Traditionally rehabilitation in the soil, both for cardiovascular diseases and for lung diseases is widely used, however there are few studies focusing on rehabilitation in the aquatic environment. The rehabilitation in the water can be another way to improve the functional capacity and quality of life of patients with cardiopulmonary diseases. Objective: To investigate the use of rehabilitation in water as a form of cardiac or pulmonary rehabilitation and its effectiveness compared to rehabilitation in the soil. Methods: We conducted a comparative review of literature on the use of cardiac rehabilitation and pulmonary water and soil. Open access journals available in scientific databases Medline, Lilacs, PubMed and SciELO, in Portuguese, published in the last four decades were used. To search descriptors hydrotherapy, rehabilitation and cardiopulmonary disease were used. Results: Both the soil and water are an effective form of treatment that provides adaptations in the cardiovascular system, as exercise tolerance, muscle strength, minimizing the sensation of dyspnea and increased capacity for functional activities. Final Thoughts: The rehabilitation generally provides specific benefits in cardiovascular and pulmonary tract. However, we found that possibly rehabilitation in the water promotes increased physical fitness and improvements in post-rehabilitation soil functional activities, thus becoming a possibility of more complete and effective treatment in patients with cardiopulmonary diseases.

Key words: Hydrotherapy. Rehabilitation. Pulmonary heart disease.

 

1 Fisioterapeuta. Graduada pelo Centro Universitário UnirG, Gurupi-TO. Email: deidianny_hand@hotmail.com
2 Fisioterapeuta. Graduado pelo Centro Universitário UnirG, Gurupi-TO. Email: gabrieltauchert@hotmail.com
3 Fisioterapeuta. Graduado pelo Centro Universitário UnirG, Gurupi-TO. Email: periclesfisio@hotmail.com
4 Fisioterapeuta. Graduado pelo Centro Universitário UnirG, Gurupi-TO. Email: raulranieri@hotmail.com
5 Fisioterapeuta Mestre em Ciência da Motricidade Humana pela Universidade Castelo Branco/RJ, Docente Adjunta do Centro Universitário UnirG/TO. Email: drikas.arruda@gmail.com
6 Biólogo. Especialista em Botânica/UFLA-MG. Docente do Colégio Bernardo Sayão de Gurupi. Gurupi (TO), Brasil. E-mail: rodrigofmoreira@yahoo.com.br
7 Fisioterapeuta. Mestre em Fisioterapia Cardiorrespiratória/UNITRI-MG. Profª. Adjunto II do Centro Universitário UNIRG. Gurupi (TO), Brasil. Email: elizangelaunirg@yahoo.com.br