Купить СНПЧ А7 Архангельск, оперативня доставка

crosscheckdeposited

Espiritualidade nas Perdas

DOI: http://dx.doi.org/10.15603/2176-3828/caminhando.v17n1p111-120

https://www.metodista.br/revistas/revistas-ims/index.php/CA 

downloadpdf

Blanches Paula

 

Resumo: O presente artigo trata da relação entre perdas e espiritualidade, vinculando esses dois conceitos com os temas da salvação, amor, saúde e cuidado pastoral. Aborda ainda o vínculo entre ganhar e perder na teologia cristã e no dia a dia. Oferece caminhos para o amparo pastoral, regado de esperança, diante do cenário do desamparo, desapego, perdas no cotidiano existencial de cada pessoa, considerando que perdas e espiritualidade é uma conjugação nem sempre tranquila na experiência de fé de muitas pessoas.

Palavras-chave: Perdas; espiritualidade; amor; salvação; saúde

 

Abstract: This article deals with the relationship between losses and spirituality, and establish a connection between these two concepts and the issues of salvation, love, health and pastoral care. It also addresses the relation between winning and losing in Christian theology and everyday life. It indicates ways to offers pastoral support, establishing hope against a notion o helplessness, detachment, and loss in each person´s daily life, considering that loss and spirituality represent a combination not always quietly integrated in the faith experience of people.

Key words: Losses; spirituality; love; salvation; health

 

Literatura Citada

BALDESSIN, A. Como fazer pastoral da saúde? São Paulo: Loyola, 2000.

DITTRICH, M. G. A arterapia: da criatividade e espiritualidade ao sentido de viver. Espiritualidade e Saúde – da cura d’almas ao cuidado integral. São Leopoldo: Sinodal, 2004.

DREWERMANN, E. Religião para quê? São Leopoldo, RS: Sinodal, 2004.

FERNANDO, E, REZENDE, J. Dores que nos transformam. Rio de Janeiro: Mauad, 2002.

HENNEZEL. M. A morte íntima. Aparecida, SP: Ideias e Letras, 2004.

HORNEY, K. A personalidade neurótica de nosso tempo. Rio de Janeiro / São Paulo: Civilização Brasileira, 1959.

MAIA, F. Fernandes Ribeiro. Fora da relação não há salvação: ensaios introdutórios para uma soteriologia relacional com inspiração em M. Buber e J. Moltmann. 2008. 67 f. Monografia (Graduação em Teologia) - Faculdade de Teologia da Universidade Metodista de São Paulo, São Bernardo do Campo.

MCGUIRE, M.B. Religião, “Saúde e Doença”. In: Concilium, vol. 2,n. 132, p. 92-104 (1978).

MOLTMANN, Jürgen. Vida, esperança e justiça: um testamento teológico para a América Latina. Tradução de Haroldo Reimer e Levy da Costa Bastos. São Bernardo do Campo, SP: Editeo, 2008.

PARKES, Colin Murray. Amor e perda: as raízes do luto e suas complicações. São Paulo: Summus, 2009.

PESSINI, L.(org) Bioética e pastoral da saúde. São Paulo: Santuário, 1989.

RENDERS, Helmut. Andar como Cristo andou: a salvação social em John Wesley. 2. ed. São Bernardo do Campo: Editeo, 2011 (Série: Teologia wesleyana brasileira; v. 3).

RIVIÈRE, E. P. Teoria do vínculo. São Paulo: Martins Fontes, 1995.

VARONE, F. Esse Deus que dizem amar o sofrimento. Aparecida: Santuário, 2001.